ATIVIDADE QUASE PERFEITA

O novo milênio começou com muita água que, pode causar muita destruição quando vem do céu. Aqui em baixo, quem não sabe nadar tem menos opção de práticas esportivas e por isso mesmo nos nossos próximos encontros vamos falar das diversas atividades na água. Esse assunto nós já começamos com uma breve história, lembram?

A natação é a atividade de menor contra-indicação podendo ser praticada desde alguns meses de vida até mais de 80 anos. Como as possibilidades de regulação térmica da criança são mais escassas, os fisiologistas recomendam que a água das piscinas de aprendizagem tenham uma temperatura de 28 °C. Isso vale também para os idosos. Os adolescentes e adultos suportam melhor temperaturas mais baixas, em especial a mulher, que se iguala ao homem nesse esporte por ter maior percentual de gordura. Essa vantagem confere melhor flutuação compensando a menor força muscular.

"Pintou" gravidez? Não tem problema. A natação não é contra-indicada à gestante que pode nadar até dias antes do parto. Outro grande benefício é o reforço natural da musculatura abdominal tão importante no momento do parto e na estética pós-parto.

Exercícios aeróbios são fundamentais para todos sobretudo a gestante, devendo ser evitado os exageros. Os exercícios muito intensos diminuem a freqüência cardíaca do feto.

Nadar não requer equipamentos complexos. Sunga ou maiô: escolha os de lycra que deslizam melhor na água e não encharcam. Óculos: deve se amoldar bem ao seu rosto e não penetrar água. Tampão de ouvido: mande fazer um sob medida com um otorrino. Touca: existem vários modelos que protegem os cabelos. Conserve-as com talco.

Os nadadores estão sujeitos a irritação nos olhos, inflamação no ouvido (otite) e eventualmente tendinites nos ombros. O uso correto dos utensílios e a carga de treinamento adequada ao indivíduo evitam tudo isso.

A Intimidade - A princípio todos os animais podem nadar e a facilidade ou dificuldade de se locomover dentro d'água vai depender de uma série de características tais como estrutura do corpo, tamanho e peso dos ossos, percentual de gordura, força muscular e capacidade pulmonar. Por isso cada um acaba tendo o seu jeito de flutuar ou ... afundar. Não adianta querer imitar um nadador de braços compridos se você tem os seus curtinhos, né?

A natação é uma das modalidades esportivas onde a técnica de deslizar pode representar cerca de 70% do aproveitamento. Daí a importância dos treinamentos educativos, muitas vezes desprezados. Não é difícil vermos pessoas brigando com a água enquanto outras tratam-na com carinho e com ela têm a maior intimidade.

Outra grande vantagem é com relação ao estresse tanto físico como emocional. Se você se aborreceu com o seu chefe... com a namorada... ou com a sogra, caia n’água. Em todos os sentidos você vai sair com a cabeça fria. É impressionante. Triatletas, mesmo quando precisam nadar muito forte depois de terem realizado outro treino igualmente forte de ciclismo ou a corrida no mesmo dia, acabam o treinamento em estado físico melhor do que antes da atividade. Digo isso de experiência própria e a prática confirma a teoria.

A natação ganhou fama de esporte completo. Entretanto, essa modalidade, como nenhuma outra é por si só completa. Querem ver? Se por um lado, a redução da influência da gravidade e a posição horizontal trazem respectivamente menos problemas articulares e benefícios cardiovasculares, a redução do impacto ósseo não beneficia quem tem osteoporose. Fleck entre outros pesquisadores cita que nadadores que "apenas" nadam não têm ganhos significativos de massa óssea. Não é o caso da hidroginástica onde se trabalha com os pés tocando o fundo da piscina. Mesmo com um impacto reduzido, dependendo da altura em que a água toca o corpo, a ação da gravidade existe favorecendo o processo de fixação do cálcio aos ossos embora não seja a melhor indicação para o caso.

Tenho defendido em qualquer modalidade esportiva um trabalho misto. No caso da natação cada um tem lá suas preferências quanto ao estilo, mas o aprendizado das várias formas de nadar, além de promover uma melhor harmonia muscular adquire-se mais intimidade com a água. A hidroginástica e a natação são atividades que se completam principalmente para atletas envolvidos com treinamentos complexos. Não é um "saco" ficar "contando ladrilho" pra lá e pra cá na mesma posição? A variedade de movimentos serve também como válvula de escape do estresse do treinamento assim como aquela conversa jogada fora de vestiário.

Para Refletir: Numa equipe vencedora cada um tem uma qualidade que isolada pode não servir pra nada.

Sobre a Ética – Assegurar um serviço profissional seguro, competente e atualizado, a seus clientes é dever do profissional de Educação Física. Art. 1º Inciso II

FALE COM A GENTE - Se você tem alguma dúvida sobre exercício físico, mande a sua mensagem para o meu correio eletrônico ou para o coordenador deste site. Juntos vamos aprender um pouco mais.

Luiz Carlos de Moraes CREF-1 3529T

E-mail: lcmoraes@petrobras.com.br

  • Atleta fundista há 27 anos
  • Treinador de atletismo há 15 anos.
  • Orienta a maior parte dos maratonistas de Petrópolis, RJ.
  • Dirige a equipe L.C.M.
  • Personal Trainer
  • Ministra aulas de step, ginástica localizada, alongamento e relaxamento em duas academias.
  • É colunista de Fisiologia do Exercício dos jornais: Tribuna de Petrópolis alimentada semanalmente.
  • Assinou por 9 anos a coluna Correndo Atrás, enfocando o mesmo assunto no Jornal Diário de Petrópolis.
  • Na Petrobras coordenou um programa antiestresse, ministrando aulas de step, alongamento, relaxamento, e orientou muitos atletas. Nos eventos de Saúde e Qualidade de Vida ministra palestras sobre atividade física e controle do estresse.
  • Está amparado pela lei 9696 de 1º de setembro de 1998, referente à regulamentação da profissão de Educação Física.

E-mail: sgb9@segen.petrobras.com.br